O Adendo do Manifesto da Mozilla

Promessa para uma internet saudável

A internet global e aberta é o recurso de comunicação e colaboração mais poderoso que nós alguma vez vimos. Esta encorpora algumas das nossas maiores esperanças para o progresso humano. Permite que haja novas oportunidades para aprender, construir um sentido de humanidade partilhada, e resolver os problemas que as pessoas enfrentam em toda a parte.

Ao longo da última década temos visto esta promessa cumprida de muitas maneiras. Nós também temos visto o poder da internet utilizado para ampliar a divisibilidade, incitar à violência, promover o ódio, e manipular intencionalmente factos e realidades. Também aprendemos que devemos definir as nossas aspirações para a experiência humana na internet mais explicitamente. Nós fazemos isso agora.

  1. Estamos comprometidos com uma internet que incluí todas as pessoas da terra — onde as características demográficas de uma pessoa não determinam o seu acesso online, oportunidades, ou qualidade de experiência.
  2. Estamos comprometidos com uma internet que promove discurso civil, dignidade humana, e expressão individual.
  3. Estamos comprometidos com uma internet que eleva o pensamento crítico, argumento fundamentado, conhecimento compartilhado, e factos verificáveis.
  4. Estamos comprometidos com uma internet que catalisa a colaboração entre diversas comunidades a trabalhar juntas para o bem comum.

O Manifesto da Mozilla

Os nossos 10 princípios

Princípio 1 A internet é uma parte integral da nossa vida moderna—um componente chave na educação, comunicação, colaboração, negócios, entretenimento e sociedade como um todo.

Saber mais

Princípio 2 A internet é um recurso público global que deve ser mantido aberto e acessível.

Saber mais

Princípio 3 A internet deve enriquecer as vidas de seres humanos individuais.

Saber mais

Princípio 4 A segurança e privacidade individual na internet são fundamentais e não podem ser tratadas como opcionais.

Saber mais

Princípio 5 Os indivíduos devem ter a capacidade para moldar a internet e as suas próprias experiências na mesma.

Saber mais

Princípio 6 A efetividade da internet como um recurso público depende da interoperabilidade (protocolos, formatos de dados, conteúdo), inovação e participação global descentralizada.

Saber mais

Princípio 7 O software livre e de código aberto promove o desenvolvimento da internet como um recurso público.

Saber mais

Princípio 8 Processos baseados na comunidade e transparentes, promovem a participação, responsabilização e confiança.

Saber mais

Princípio 9 O envolvimento comercial no desenvolvimento da internet trás muitos benefícios; um balanceamento entre lucro comercial e benefício público é fundamental.

Saber mais

Princípio 10 Destacar os aspetos benéficos públicos da internet é um objetivo importante, que merece tempo, atenção e empenho.

Saber mais